Sem Categoria

Com aumento de casos de Covid-19, atendimento é suspenso na FCMS e subsecretarias

Mais órgãos públicos do Estado de Mato Grosso do Sul terão seus atendimentos suspensos em razão do aumento dos casos de Covid-19. Além disso, o Procon (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) vai fechar o prédio para desinfecção. Até 8 de dezembro, as seguintes subsecretarias, instaladas no Memorial de Cultura e Cidadania Apolônio de […]

Adriel Mattos Publicado em 25/11/2020, às 11h13 - Atualizado às 11h16

(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação) - (Foto: Divulgação)

Mais órgãos públicos do Estado de Mato Grosso do Sul terão seus atendimentos suspensos em razão do aumento dos casos de Covid-19. Além disso, o Procon (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) vai fechar o prédio para desinfecção.

Até 8 de dezembro, as seguintes subsecretarias, instaladas no Memorial de Cultura e Cidadania Apolônio de Carvalho, vão atender apenas nos seguintes telefones e e-mails:

  • Subsecretaria de Políticas Públicas para Mulheres: (67) 3316-9198 — [email protected];
  • Subsecretaria de Políticas Públicas para a Promoção da Igualdade Racial: (67) 3316-9164 — [email protected];
  • Subsecretaria de Políticas Públicas para População Indígena: (67) 3316-9165 — [email protected];
  • Subsecretaria de Políticas Públicas para Juventude: (67) 3316-9141 — [email protected];
  • Subsecretaria de Políticas Públicas LGBT: (67) 3316-9191 — [email protected]

Na FCMS (Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul), a suspensão é por 15 dias. Os servidores do grupo de risco ou que tenham parentes nessa situação, ou ainda forem diagnosticados com a doença causada pelo novo coronavírus, vão atuar nesse período em regime de teletrabalho.

Já o Procon fecha amanhã, quinta-feira (26), e sexta-feira (27) para desinfecção do prédio em Campo Grande. 

As regras para o fechamento e trabalho em home office constam em normativas publicadas na edição desta quarta-feira (25) do DOE (Diário Oficial Eletrônico).

Agência fechada

Na semana passada, a Ageprev (Agência Estadual de Previdência Social) suspendeu o atendimento presencial por 15 dias. O motivo é o alto número de casos entre os servidores.

O atendimento está sendo feito exclusivamente pelo  telefone (67) 3323-7388, pelo e-mail: [email protected] e também pelo site do órgão. Os servidores estão trabalhando de casa.

Jornal Midiamax