Cassinos online tornaram-se uma febre mundial, e, recentemente, o cenário brasileiro destacou-se como o destino ideal para os novos cripto-cassinos. 

Mas o que são esses cripto-cassinos? Simplesmente, são cassinos que utilizam criptomoedas como forma de pagamento.

Não é segredo que tanto cassinos quanto apostas esportivas têm influenciado diversas dimensões dos esportes globalmente, incluindo patrocínios, financiamento e a própria integridade das competições.

A inclusão de criptomoedas, um tema em ascensão em todo o mundo, tem ganhado destaque em mercados como o europeu e o latino-americano. O Brasil, com sua rica tradição esportiva e paixão pelo futebol, se encontra em uma encruzilhada. Mas, é questão de tempo para que os cripto-cassinos caiam no gosto da galera.

O cenário dos Bitcoins no Brasil

O Brasil mantém a liderança na América Latina em termos de adoção de criptomoedas, ocupando a 9ª posição global. No entanto, entre junho de 2022 e julho de 2023, o país ficou em segundo lugar em importação de criptomoedas. Nesse período, o Brasil recebeu um volume de US$ 85,3 bilhões, ligeiramente abaixo da Argentina, que está na 15ª posição mundial e importou US$ 85,4 bilhões. Esses dados fazem parte do Índice Global de Adoção de Criptomoedas de 2023, da Chainalysis.

A América Latina representa a sétima maior cripto economia do mundo, com 7,3% do volume total. A região mostra maior adesão às exchanges centralizadas em comparação a outros mercados. Em termos de participação no Brasil, o Bitcoin (BTC) representou 25%.

O Brasil é classificado como “um mercado único na América Latina”, por ser o maior país da região como também uma das melhores economias do mundo.

A Regulamentação de cassinos online no Brasil

Apesar do crescimento dos cassinos online em todo o mundo, o Brasil ainda precisa legalizar completamente as apostas na internet. Atualmente, cassinos físicos e empresas de jogos online não podem se instalar em território nacional. No entanto, existe um projeto de lei em tramitação que trata da legalização e regularização do setor. 

Enquanto o setor das apostas online ainda está em uma “área cinzenta” no Brasil, alguns materiais podem ajudar a entender o que é permitido e o que não é, de acordo com a legislação vigente. Um manual criado pelo escritório de advocacia Demarest, por exemplo, esclarece o status atual de cada tipo de jogo online. 

Atualmente está em discussão o projeto 3626/2023 para ser votado e enfim, regulamentar a atividade das as apostas e casinos online no país, os brasileiros que desejam jogar pela internet continuarão se cadastrando em sites estrangeiros. Em dezembro de 2018, o Brasil já tinha dado um sinal que está aberto para a atividade das apostas esportivas no país através da Lei 13.756. No entanto, o processo para desenvolver um arcabouço regulatório robusto e eficaz tem sido meticuloso e gradual. Mas é possível que até 2024 ele já saia do papel e seja efetivado.

Se estiver curioso para testá-lo por conta própria, você pode experimentar o cassino bitcoin aqui.

Projeção para o crescimento dos casinos online

Nos últimos anos, a indústria dos casinos online cresceu globalmente. A tendência de crescimento continua para 2023, prevendo que o mercado global de cassinos crescerá 260 bilhões de dólares de 2023 a 2027, com um aumento médio anual de quase 7%. 

A Revolução dos cassinos de Bitcoin

Os cassinos Bitcoin ganham destaque devido à eficiência nas transações. Uma das maiores empresas do segmento é a Cloudbet. Aceitando Bitcoin e outras criptomoedas, esses cassinos oferecem uma experiência de jogo online eficiente. Além da agilidade nas transações, o destaque está na privacidade, uma vez que é possível jogar de forma anônima com criptomoedas.

Com a oportunidade de crescimento tanto das criptomoedas quanto dos cassinos online, o Brasil está projetado para se tornar o principal polo de cassinos na América Latina. Isso significa que, enquanto a legalização não ocorre, o Brasil continua sendo um grande potencializador, apesar de desafios a serem superados.

Saiba Mais