A Prefeitura de Campo Grande publicou dois contratos com empresas que ficarão responsáveis pelas obras no Lago do Amor e na ponte da rua José Antônio sobre o . As obras estão orçadas em R$ 4,6 milhões.

Os contratos estão no Diogrande (Diário Oficial de Campo Grande) desta sexta-feira (24).

A empresa CCO Infraestrutura LTDA será responsável pela recomposição estrutural do aterro, vertedouro, muro de contenção e seus complementos do trecho da Avenida Senador Fillinto Muller, em frente ao Lago do Amor.

A Engevil Engenharia LTDA ficou responsável para fazer o reforço da fundação da ponte da rua José Antônio sobre o córrego Prosa e recuperação estrutural do canal.

Obras no Lago do Amor e Prosa devem custar R$ 4,6 milhões

O valor que será repassado para as empresas ainda não consta no portal da transparência. Entretendo a Prefeitura de Campo Grande estima gastar cerca de R$ 4,6 milhões com as duas obras.

O Executivo estima em R$ 800 mil o recurso necessário para reparar danos na ponte no cruzamento da Rua José Antônio com a Avenida Fernando Corrêa da Costa.

Já o elaborado pela prefeitura estimou em R$ 3,842 milhões na reconstrução da passarela na Avenida Senador Filinto Müler.

Ambos os trechos foram interditados após chuvas deste ano e estão localizados em pontos de grande fluxo de veículos. O trânsito está interditado nos dois pontos e sem previsão de reabertura.

Tanto o Lago do Amor como a ponte da José Antônio serão obras executadas de maneira emergencial e com dispensa de . Atualmente, ambas estão em processo de contratação da empresa que vai realizar os serviços.

Saiba Mais