As reformas feitas na Estadual João Carlos Flores, localizada no Morumbi, em , custaram mais de R$ 3,5 milhões. Nesta manhã de quarta-feira (1º), o Governador, Eduardo Riedel (PSDB), secretários e vereadores participaram de uma solenidade.

A escola conta com 358 estudantes matriculados em 11 turmas do 6º ao 9º ano do e do 1º ao 3º ano do Ensino Médio. Todas trabalhando com a oferta do Ensino em Tempo Integral.

Toda realizada custou R$ 3.573.358,77. Os investimentos foram aplicados na ampliação de refeitório e na reforma parcial do prédio, contemplando adequação da edificação às normas vigentes de acessibilidade, proteção contra incêndio e pânico, proteção contra descargas atmosféricas e vigilância sanitária.

Os serviços de intervenção incluíram ainda a substituição de cobertura, revestimentos de forros, paredes e pisos, pintura geral interna e externa, instalações elétricas, instalações hidrossanitárias e águas pluviais, reforma da quadra e demais adequações necessárias ao atendimento da comunidade discente.

Além da reforma, equipamentos mobiliários, freezer, forno elétrico industrial, processador de alimentos, bebedouro industrial, aparelhos de ar-condicionado, mesa de professor e diretor, conjunto escolar, tablets, chromebooks, dentre outros também foram entregues à instituição.

Do montante, R$ 273.372,07 foram gastos em equipamentos e R$ 3.299.986,70 na construção. Durante a solenidade também foram entregues kits e uniformes escolares.