Nesta quarta-feira (13), quatro inquéritos que investigam assuntos relacionados à de foram divulgados. As publicações foram feitas no Diário Oficial do (Ministério Público de Mato Grosso do Sul).

Conforme a promotora Mariana Sleiman, que assina os inquéritos, é apurado o aumento exponencial dos vencimentos na Casa. Também é investigada necessidade de realização de concurso público de provas e títulos para preencher o quadro pessoal da Câmara.

Suposta atuação do assessor jurídico da Câmara como advogado, em atividades particulares durante o expediente, também é investigada. Por fim, foi instaurado inquérito para apurar a ausência de relatórios de atividades externas realizadas pelos servidores.