Licitação para reforma do presídio Irmã Irma Zorzi termina sem interessados pela 2ª vez

Reforma no presídio feminino de Campo Grande deve ser adiada por não ter empresa interessada
| 09/11/2021
- 16:08
Presídio Irmã Irma Zorzi
Presídio Irmã Irma Zorzi, em Campo Grande - Divulgação

Pela segunda vez, a para reforma do presídio Irmã Irma Zorzi, em Campo Grande, aberta pela (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos), terminou sem interessados.

Conforme o aviso de resultado publicado nesta terça-feira (9), nenhuma empresa se manifestou pela licitação para reforma no presídio, interligação da nova entrada de energia. A Agesul abriu licitação pela primeira vez em junho e em julho deste ano, nenhuma empresa se manifestou pela obra. Com isso, o pregão foi relançado, mas novamente não teve interessados.

Atualmente, a Capital conta com duas unidades prisionais para mulheres. O Estabelecimento Penal Feminino “Irmã Irma Zorzi” é para detentas do regime fechado, e fica no bairro Coronel Antonino.

Já o Estabelecimento Penal Feminino de Regime Semiaberto, Aberto e Assistência à Albergada de Campo Grande, como o próprio nome diz, abriga mulheres cumprindo penas em regime aberto e semiaberto. Está localizada na Vila Maciel.

Veja também

São R$ 2.687.721,71 a mais para a empresa Vale do Rio Novo Engenharia

Últimas notícias