Política / Transparência

Em setembro, MPMS gastou R$ 213 mil com viagens de membros e servidores

Valor diz respeito a viagens e diárias

Renan Nucci Publicado em 18/10/2021, às 08h15

Fachada do MPMS no Parque dos Poderes, em Campo Grande
Fachada do MPMS no Parque dos Poderes, em Campo Grande - Divulgação

O MPMS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) gastou R$ 213.682,92 com diárias e passagens de membros e servidores durante o mês de setembro. O valor consta em relatório de despesas divulgado no Diário Oficial do MPMS desta segunda-feira (18).

Ao todo, foram R$ 185.873,43 em diárias e R$ 27.809,49 em passagens, o que leva a um custo médio de R$ 7,1 mil por dia. Por exemplo, Alexandre Magno Benites de Lacerda, procurador-geral de Justiça, custou R$ 2.629,94 com passagens de avião e mais R$ 4.255,44 com diárias em uma de suas viagens.

Entre os dias 28 de setembro e 3 de outubro, ele participou  de reunião do CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público) na cidade de Brasília (DF) e do evento "O MP de uma nova era: reflexões e projeções", realizado na cidade de Gramado (RS). Há ainda no relatório vários casos de diárias de servidores cuja descrição é mantida em sigilo.

Jornal Midiamax