A até 3 dias do início, promotores têm férias canceladas pelo MPMS

Promotores de Justiça sul-mato-grossenses tiveram seus períodos de descanso remunerado suspenso pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), conforme publicações feitas ao longo desta semana no Diário Oficial do órgão. Em alguns casos, o aviso foi dado somente três dias antes do início do gozo. Esse foi o caso de promotor que sairia […]
| 15/01/2021
- 12:52
A até 3 dias do início, promotores têm férias canceladas pelo MPMS
(Arquivo) - (Arquivo)

Promotores de Justiça sul-mato-grossenses tiveram seus períodos de descanso remunerado suspenso pelo (Ministério Público de Mato Grosso do Sul), conforme publicações feitas ao longo desta semana no Diário Oficial do órgão. Em alguns casos, o aviso foi dado somente três dias antes do início do gozo.

Esse foi o caso de promotor que sairia de a partir da segunda-feira (18) e retornaria no dia 6 de fevereiro. Na edição desta sexta-feira (15) da publicação oficial do MPMS, o indeferimento do pedido dele foi publicado junto com o de outros seis promotores. Conforme os registros, a medida foi tomada por necessidade de serviço.

A portaria foi assinada pelo PGJ (Procurador-Geral de Justiça), Alexandre Magno Benites Lacerda.

Nem as férias do próprio PGJ escaparam à onda de indeferimentos. Na edição de segunda-feira (11), o procurador-adjunto indeferiu os 20 dias de descanso que estavam marcados para Alexandre Magno entre os dias 4 e 23 de fevereiro.

Veja também

O juízo da Vara de Falências, Recuperações, Insolvências e Cartas Precatórias Cíveis de Campo Grande...

Últimas notícias