Política / Transparência

Mazzotti assume Polícia Federal em MS e destaca combate à corrupção entre prioridades

Em cerimônia oficial de posse da Superintendência da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul, o delegado Cléo Mazzotti destacou nesta sexta-feira (22) na AGU (Advocacia-Geral da União) o combate à corrupção entre as prioridades da sua gestão e agradeceu o apoio do delegado Luciano Flores. O ex-superintendente assume o cargo no Paraná, no lugar […]

Evelin Cáceres Publicado em 22/03/2019, às 13h21 - Atualizado em 24/03/2019, às 11h18

None
Posse do Superintendente da Polícia Federal de MS, Cléo Mazzotti (Foto: Marcos Ermínio/ Jornal Midiamax)

Em cerimônia oficial de posse da Superintendência da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul, o delegado Cléo Mazzotti destacou nesta sexta-feira (22) na AGU (Advocacia-Geral da União) o combate à corrupção entre as prioridades da sua gestão e agradeceu o apoio do delegado Luciano Flores.

O ex-superintendente assume o cargo no Paraná, no lugar de Maurício Valeixo, nomeado diretor-geral da Polícia Federal pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro.

Entre as prioridades da gestão, o superintendente apontou o combate a corrupção, operações voltadas a combater o núcleo financeiro do narcotráfico, ao trabalho escravo e crimes ambientais, e também melhorias às condições de trabalho dos servidores e o atendimento ao público, indicados como desafios diários.

Com extensa fronteira seca, Mazzotti disse que o Estado enfrenta a atipicidade em relação ao restante do território por conta da maior possibilidade da entrada de drogas, contrabando e descaminho que se espalham pelo país. “Mas ninguém trabalha sozinho e eu agradeço ao trabalho das delegacias descentralizadas do interior”, disse, prometendo fazer a Polícia Federal ‘ainda maior’ em Mato Grosso do Sul.

Em primeira colocação no Brasil na atividade de exames periciais, o superintendente agradeceu ao trabalho abnegado do setor administrativo, ‘prestado com excelência’.

“A Polícia Federal se engrandeceu nos últimos anos no Estado com todas as operações e tem obtido números significativos no combate à corrupção, que não vou citar para não me delongar e não cometer injustiças”, conta.

Por fim, agradeceu ao diretor-geral da Polícia Federal por acompanhar a carreira dele desde o início e apontou a Superintendência do Paraná como ‘irmã’. “Conto com o apoio das instituições e agradeço também à imprensa, fundamental para o estado democrático de direito e fundamental para a divulgação de fatos relevantes”.

Entre as autoridades presentes, participaram da cerimônia de posse do novo superintendente o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira; o presidente do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), desembargador Paschoal Carmello Leandro; o senador Nelsinho Trad; o promotor de Justiça Marcos Alex Veras; o presidente da OAB-MS, Mansour Karmouche; o Procurador-Geral de Justiça, Paulo Cézar dos Passos.

Jornal Midiamax