Política / Transparência

Após 1 mês, Bernal anuncia na segunda se mantém contrato com Solurb

Prefeito aguarda análise de notas e parecer da procuradoria

Midiamax Publicado em 21/01/2016, às 13h40

None
solurb_prefeitura.jpg

Prefeito aguarda análise de notas e parecer da procuradoria

O prefeito Alcides Bernal (PP) disse na manhã desta quinta-feira (21) que na segunda-feira (25) anunciará o resultado da análise de três notas fiscais e do laudo da Polícia Federal sobre a Solurb, responsável pelo recolhimento do lixo em Campo Grande.

O resultado da análise será decisivo para Bernal, que não descarta romper o contrato e anunciar nova licitação. Segundo Bernal, a análise termina amanhã, mas a coletiva só acontece na segunda-feira.

Há mais de um mês que Bernal promete divulgar o resultado da análise, mas até agora isso não aconteceu. Apesar de dizer que vai aguardar o relatório sobre as notas, Bernal já disse várias vezes que a olhos nus já era possível identificar irregularidades.

O prefeito citou a Lagoa Itatiaia, onde na medição  apresentada pela Solurb a lâmina d'água aparecia como área que tinha sido capinada. Já na rua Ceará, entre a Avenida Mato Grosso e a Coronel Antonino, foi cobrado serviço como se houvesse calçada com grama nas laterais da Ceará.

A decisão também terá como base laudo da Polícia Federal, relatando que a CG Solurb, formada pela sociedade das empresas LD Construções e Financial Construtora, não possuía capital mínimo determinado em edital em pouco mais de R$ 53 milhões, para disputar a licitação do lixo em Campo Grande. A prefeitura paga mais de R$ 14,3 milhões mensais a Solurb para coleta de lixo. 

Jornal Midiamax