Política / Bastidores

Cheque

Suplementação não pode ser 'cheque em branco' ao prefeito

Midiamax Publicado em 11/11/2015, às 03h08

None
icone.jpg

Suplementação não pode ser 'cheque em branco' ao prefeito

Proposta da Prefeitura de ‘mudar de lugar’ R$ 47,3 milhões do orçamento, a chamada suplementação, levou à Câmara Municipal, novamente, discurso de desconfiança em relação a Alcides Bernal (PP). “O prefeito tem que explicar exatamente para que é a suplementação, para que a Câmara não dê um cheque em branco a ele”, disse, por exemplo, Chiquinho Telles (PSD).

Jornal Midiamax