A de pode iniciar o ano de 2024 com ‘cara nova'. A princípio, o plenário da Casa de Leis passa por obras, as quais, incluem painéis de mídia e mudança no carpete. Os vereadores devem implantar um sistema de votação parecido com o da (Assembleia Legislativa de Mato de Grosso do Sul).

No dia 31 de outubro de 2023, a da Câmara publicou no Diário Oficial de Campo Grande uma suplementação de R$ 1.390.000,00 para compra de um painel de mídia e um canal próprio de TV.

Na época, o Presidente da Casa, Carlos Augusto Borges, o vereador Carlão (PSB), explicou que o recurso é do orçamento da Câmara.

“Foi remanejamento para questão do painel e da mídia. Todo mês vai sobrando um pouco e a gente remanejou para o pagamento do painel e da TV. Estamos criando a TV Câmara já no início do ano, via TV Assembleia”, disse o presidente.

A equipe do Midiamax entrou em contato com a assessoria de imprensa da Câmara de Campo Grande e foi informada que a Casa está se preparando para receber todo o equipamento, mas não confirmou que tudo deve estar pronto já na volta do recesso, no mês de fevereiro.

Nesta terça-feira (9), a equipe de reportagem também entrou em contato com o Presidente da Câmara para saber se já existe uma data prevista para as obras terminarem. Carlão explica que devem começar em breve. Ele adianta que a empresa responsável está atrasada, mas que está sendo cobrada pela Casa de Leis.