Os vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande analisam, nesta terça-feira (14), quatro projetos de lei e outros 25 ofícios “ad referendum” do Poder Executivo. Os trabalhos têm início às 9h, no Plenário Oliva Enciso, da Casa de Leis.

Segundo a assessoria de imprensa da Câmara Municipal, em primeira discussão e votação, segue para análise o n. 10.406/21, do vereador Dr. Loester (), que estabelece diretrizes para as exposições justificativas de aberturas de créditos suplementares e especiais pelo Poder Executivo Municipal.

Também o projeto de lei n. 10.591/22, de autoria de Tiago Vargas (PSD) e do então vereador e agora secretário de saúde municipal, Dr. Sandro (Patriota), que institui o “Dia do CAC – Caçador, Atirador e Colecionador” em Campo Grande.

Os vereadores também discutem o projeto de lei n. 10.737/22, do vereador Otávio Trad (PSD), que institui o projeto “Domingo no Lago do Amor”.

E, por fim, o projeto de lei n. 10.802/22, que estabelece a implantação do Programa Municipal de Utilização de Equipamentos Eletrônicos Portáteis (tablets e/ou smartfones) para registro e transmissão “on-line” de dados recolhidos pelos Agentes Comunitários de Saúde e pelos Agentes de Combate às Endemias. A proposta é do vereador Carlos Augusto Borges, o (PSB).

Saiba Mais