A Ministra da Mulher, Cida Gonçalves, vem a na próxima semana participar de audiência pública na Assembleia Legislativa e inaugurar unidade do na Casa da Mulher Brasileira.

Conforme o deputado (PT), a ministra terá dois dias de agenda em MS. No primeiro dia, na quinta-feira (30), ela participa de audiência onde será apresentado um projeto de lei para combater a violência contra a mulher, para a semana que cai o Dia Internacional da Mulher, em 8 de março. “Para tirar esse caráter do 8 de março, de distribuir flores, brindes, de festas e comemoração. O dia é para discutir a realidade que a mulher ainda vive no Brasil”, disse Kemp à reportagem.

Na sexta-feira (31), Cida Gonçalves irá até a Casa da Mulher Brasileira, onde acontecerá a inauguração da unidade do Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) para dar celeridade aos exames de corpo de delito das mulheres vítimas de violência. “Muitas mulheres vão até a casa realizar denúncia contra os agressores, e como o Imol fica muito distante, muitas mulheres deixam de realizar o exame e de comprovar o que realmente aconteceu”, disse o parlamentar.

Além disso, ela anunciará a Patrulha Maria da Penha e se reunir com as gestoras dos municípios de MS, para discutir articulações políticas de enfrentamento de prevenção de violência contra as mulheres. Este encontro acontece no auditório do Bioparque Pantanal.

Ministra Cida Gonçalves

Aparecida Gonçalves é natural de Clementina (SP), mas afirmou ser sul-mato-grossense de coração por ter vivido no Estado entre 1988 e 2000. Foi nesta época em que se candidatou ao cargo de vereadora pelo PT (Partido dos Trabalhadores).

Militante e ativista do movimento de mulheres e movimento feminista, é especialista em gênero e violência contra a mulher.

Atuou como assessora técnica e política da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas para a Mulher. Além de ser assessora da Coordenadoria de Atendimento a Mulher da Secretaria de Estado de Assistência Social, Cidadania e Trabalho. Os cargos foram na gestão do então governador José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT.

Entre 2003 e 2012, atuou como secretária nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres da Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República.

Saiba Mais