O MJSP (Ministério da Justiça e Segurança Pública) atendeu reivindicação do deputado federal e coordenador da bancada de Mato Grosso do Sul, Vander Loubet (PT), para a permanência da base da PRF (Polícia Rodoviária Federal) na BR-158, entre e Aparecida do Taboado, nas proximidades de .

O pedido ao deputado foi feito pelo vereador Andrew Robalinho, de Paranaíba, após o Governo do Estado e o Grupo Way Brasil assinarem contrato de concessão da rodovia, em março deste ano. O documento sustenta que o trabalho policial é principal ferramenta no combate ao narcotráfico, já que Paranaíba liga Mato Grosso do Sul aos estados de Goiás, e São Paulo.

Em resposta ao deputado, o MJSP garantiu que o Grupo Way Brasil, que norteia os trabalhos pela BR-158, ficará encarregado pela manutenção viária, melhorias de tráfego e capacidade rodoviária. Porém, a concessão não prevê a retirada da PRF, a qual continuará atuando na segurança viária, prevenção e combate ao crime, dentre outras atribuições que lhe competem.

O documento diz, ainda, que, está em andamento a celebração de convênio entre a Superintendência da PRF em MS e a concessionária, com o objetivo de regular a utilização e da verba destinada à Polícia Rodoviária Federal, destinada ao aparelhamento necessário à execução dos serviços de policiamento e apoio à fiscalização do tráfego.

“A PRF tem feito um ótimo trabalho no Bolsão e em todo o estado. Conseguimos controlar a entrada e saída de veículos e cargas que vem do e Bolívia e que adentram o nosso país. Daí a importância da manutenção dessa base”, defendeu Vander.