A dos Deputados aprovou o projeto que equipara o salário entre homens e mulheres. O projeto de lei substitutivo do projeto nº 1085/23 — de autoria do Executivo — foi votado nesta quinta-feira (4). A bancada de foi favorável.

Assim, dos oito deputados federais de MS, seis votaram favorável ao projeto de lei que visa igualar a remuneração de homens e mulheres. Foram eles: Beto Pereira (PSDB), Camila Jara (PT), Dagoberto Nogueira (PSDB), Dr. Luiz Ovando (PP), Geraldo Resende (PSDB) e (PT).

O deputado Rodolfo Nogueira (PL) foi contra o projeto de lei. Enquanto Marcos Pollon (PL) optou pela abstenção.

No total, foram 325 votos favoráveis e 36 contrários ao projeto de equiparação salarial entre homens e mulheres. Além de três abstenções. Por fim, a matéria segue para apreciação do Senado.