Política

Senado aprova projeto que altera o nome do Aeroporto Internacional de Campo Grande

Proposta segue para análise na Câmara Federal

Gabriel Maymone Publicado em 05/08/2021, às 10h15

Aeroporto Internacional de Campo Grande
Aeroporto Internacional de Campo Grande - Leonardo de França / Midiamax

Projeto que altera o nome do Aeroporto Internacional de Campo Grande foi aprovado pelo Senado, nesta quarta-feira (4), e segue para análise na Câmara Federal. O PL 2.695/2021, de autoria do senador Nelsinho Trad (PSD-MS), quer acrescentar o nome do empresário Ueze Elias Zahran no local.

O autor do projeto destacou a biografia do homenageado e seus feitos em Campo Grande e Mato Grosso do Sul. O relator, senador Wellington Fagundes (PL-MT), acrescentou que o empresário nasceu em Bela Vista, na fronteira com o Paraguai, em 15 de agosto de 1924. Também afirma que "Ueze Elias Zahran se tornou um empresário de renome mundial em razão de sua visão de futuro e empreendedorismo. Entre seus feitos está a criação da empresa de distribuição de gás Copagaz, em 1955; a constituição da Rede Mato-grossense de Comunicação, com sete emissoras de TV, rádios e sites, e uma das maiores empresas do setor do país; e a obtenção dos títulos de Cidadão Paulistano pela Câmara Municipal de São Paulo e de Guardião dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio".

Nelsinho Trad ressalta, na justificativa do projeto, que Zahran, em sua vida como empresário, dedicou-se aos mais diversos ramos da economia, como telecomunicações e energia, sempre priorizando a responsabilidade social. Além de Nelsinho Trad, o senador Carlos Fávaro (PSD-MT) também destacou a atuação profissional de Zahran, que faleceu em dezembro de 2018, aos 94 anos.

Jornal Midiamax