Política

Ex-procurador-geral de Justiça do MPMS é eleito para compor Conselho Nacional

Paulo Cezar dos Passos entrou para lista tríplice de indicados para representar os Ministérios Públicos Estaduais

Jones Mário Publicado em 28/04/2021, às 17h10

Da esquerda para direita, Oswaldo D’Albuquerque, Rinaldo Reis Lima e Paulo Cezar dos Passos
Da esquerda para direita, Oswaldo D’Albuquerque, Rinaldo Reis Lima e Paulo Cezar dos Passos - CNMP/CNPG

O ex-procurador-geral de Justiça do MPMS (Ministério Público Estadual) Paulo Cezar dos Passos foi eleito para lista tríplice de indicados a representantes dos Ministérios Públicos Estaduais no CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público). É a primeira vez que Passos entra na relação.

As eleições foram realizadas pelo CNPG (Conselho Nacional de Procuradores-Gerais do Ministério Público dos Estados e da União), hoje (28). Além de Paulo Cezar dos Passos, que recebem 16 votos, foram reconduzidos para um segundo mandato os atuais conselheiros do CNMP Rinaldo Reis Lima e Oswaldo D’Albuquerque, com 25 votos cada.

Os nomes dos três eleitos serão encaminhados ao Senado, que vai sabatinar os indicados na CCJ (Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania). Se aprovados, seguem para votação no plenário da Casa.

“Meu mandato não será meu, é deste Colegiado. Se o MP não estiver unido, a derrota é visível, porém, se estiver unido é imbatível”, disse Passos ao site do CNPG.

A mesma reunião serviu para empossar a nova presidente do CNPG, a procuradora-geral de Justiça do MP-AP (Ministério Público do Amapá) Ivana Cei, bem como os vice-presidentes regionais, entre eles o atual procurador-geral de Justiça de Mato Grosso do Sul, Alexandre Magno Benites de Lacerda.

Jornal Midiamax