Política

Deputado propõe criar comissão em MS para analisar alta no preço do combustível

Requerimento foi protocolado na Alems e sugestão é criar comissão junto com o Poder Executivo

Renata Volpe Publicado em 27/09/2021, às 07h35

Em Campo Grande, o litro da gasolina é vendido por R$ 5,89
Em Campo Grande, o litro da gasolina é vendido por R$ 5,89 - Marcos Ermínio, Jornal Midiamax

Requerimento protocolado na Alems (Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul) quer criar comissão para realizar estudo em conjunto com o governo estadual para analisar e propor solução da alta no preço do combustível. Em Campo Grande, o valor do litro da gasolina, por exemplo, pode ser encontrado por R$ 5,89. Já o etanol é vendido a R$ 4,59.

O documento foi proposto pelo deputado estadual Amarildo Cruz (PT). Segundo ele, a intenção, além da análise e proposição, é criar mecanismo de mitigação de preço ao consumidor, para proveito dos consumidores do Estado. Na justificativa, Cruz afirmou que a população tem experimentado uma alta generalizada no preço dos combustíveis, devido ao mercado internacional do petróleo. 

Ainda conforme o parlamentar, é possível buscar medida para mitigação da alta de preços visando à manutenção dos preços no mercado interno do Estado ou até mesmo à diminuição do valor cobrado. “Tal proposta demonstra possibilidade se comparada com a medida adotada pelo Estado do Rio Grande do Sul”. 

O requerimento será analisado pela Mesa Diretora da Alems.

Jornal Midiamax