Política

Deputado Arthur Lira visita Campo Grande nesta 6ª em busca de apoio para presidente da Câmara

Candidato a presidente da Câmara Federal, deputado Arthur Lira (PP-AL) vai estar em Campo Grande nesta sexta-feira (22), onde cumpre uma série de agendas a partir das 12 horas. A passagem pela Capital faz parte da busca por apoio para sua eleição à frente da Mesa Diretora. Ainda sem local divulgado, às 12h30, o parlamentar […]

Mayara Bueno Publicado em 22/01/2021, às 07h36 - Atualizado às 08h02

Arthur Lira, do PP, em visita a Campo Grande. (Foto: PP/Divulgação/Agência Câmara de Notícias).
Arthur Lira, do PP, em visita a Campo Grande. (Foto: PP/Divulgação/Agência Câmara de Notícias). - Arthur Lira, do PP, em visita a Campo Grande. (Foto: PP/Divulgação/Agência Câmara de Notícias).

Candidato a presidente da Câmara Federal, deputado Arthur Lira (PP-AL) vai estar em Campo Grande nesta sexta-feira (22), onde cumpre uma série de agendas a partir das 12 horas. A passagem pela Capital faz parte da busca por apoio para sua eleição à frente da Mesa Diretora.

Ainda sem local divulgado, às 12h30, o parlamentar se reúne com a bancada dos deputados federais e, às 13h30, almoça com o governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), e com os parlamentares. A partir das 15 horas, concede coletiva para imprensa e, às 15h45, deixa Campo Grande.

Líder do PP, o parlamentar anunciou oficialmente sua candidatura em dezembro passado. Com o slogan ‘Para toda a Câmara ter voz”, Lira tem apoio declarado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e, além do PP, pelo menos outros sete partidos, segundo a Câmara Federal, que são, PL, PSD, Solidariedade, Patriota, Avante, Pros e PSC.

Baleia Rossi (MDB) passou por Campo Grande em busca do mesmo apoio, já que concorre com o candidato do Progressistas. O deputado federal deixou Mato Grosso do Sul sem dar como certo ter angariado votos da bancada do Estado na eleição para a Câmara dos Deputados.

O parlamentar paulista se negou a se colocar como candidato de oposição a Jair Bolsonaro –dizendo-se “independente”–, embora aponte interferência do Palácio do Planalto na disputa, e aproveitou para alfinetar o adversário, Arthur Lira (Progressistas-AL), apoiado pelo presidente.

Jornal Midiamax