Todos os servidores da Prefeitura de que estão cedidos para outros órgãos ou municípios vizinhos terão prazo de cinco dias para se reapresentarem aos seus cargos de origem. A determinação é do prefeito (PP) em decreto publicado no Diário Oficial do Município.

Segundo a medida, caso não aconteça a reapresentação, será configurado abandono de cargo. O chefe do Executivo Municipal já havia anunciado a medida durante coletiva de imprensa na semana passada, quando apresentou o caixa da maior cidade do interior de no ‘vermelho'.

“Os servidores do Municipal que estão afastados do respectivo órgão de lotação, à disposição de outros órgãos, bem como os cedidos, a qualquer título, a empresas públicas estaduais ou federais, entidades privadas, outros municípios, ao Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, ao Poder Legislativo Estadual ou Municipal e Poder Judiciário deverão retornar ao seu órgão de origem”, diz um trecho do decreto.