Política

Após suposto atentado virar até meme, Trutis diz que tem ‘consórcio de inimigos’ em MS

Depois de ter o veículo atingido por cinco disparos, em suposto ataque ocorrido no domingo (16), o deputado federal Loester Trutis (PSL) usou suas redes sociais, há pouco, para fazer um desabafo no qual diz ser alvo de ‘consórcio’ de inimigos. O deputado chegou a ser alvo de memes nas redes sociais após o caso, […]

Danúbia Burema Publicado em 17/02/2020, às 16h48 - Atualizado em 18/02/2020, às 13h15

(Reprodução Facebook)
(Reprodução Facebook) - (Reprodução Facebook)

Depois de ter o veículo atingido por cinco disparos, em suposto ataque ocorrido no domingo (16), o deputado federal Loester Trutis (PSL) usou suas redes sociais, há pouco, para fazer um desabafo no qual diz ser alvo de ‘consórcio’ de inimigos. O deputado chegou a ser alvo de memes nas redes sociais após o caso, que está sob investigação da Polícia Federal, vir à tona.

Na postagem, ele acusa integrantes da classe política no Estado de de possuírem envolvimento com bandidos. “Os leigos e engraçadinhos “esquecem” que no MS o crime organizado sempre teve participação na política. Cigarreiros, traficantes e líderes de esquadrões da morte se tornaram vereadores, deputados, e quase fizeram até um governador”, disparou Trutis, sem mencionar nomes.

Ele também reclamou de piadas feitas com o atentato sofrido e disse ser alvo de um consórcio de inimigos por ter ‘quebrado ciclo’ na política sul-mato-grossense ao assumir uma das vagas de deputado federal. Confira alguns dos memes que circularam nas redes:

O suposto atentado está sendo investigado pela Polícia Federal. Confira a íntegra da postagem feita pelo parlamentar sobre o caso:

Os leigos e engraçadinhos "esquecem" que no MS o crime organizado sempre teve participação na política. Cigarreiros,…

Publicado por Loester Trutis em Segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

Jornal Midiamax