Política

Após minimizar crise no PP, Bernal se reúne com aliados

O presidente regional do PP, Alcides Bernal está na manhã desta quarta-feira (27) no gabinete do deputado estadual Evander Vendramini, um dos representantes do partido na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. O encontro ocorre um dia depois de os parlamentares Progressistas prometerem ir a Brasília pedir organização da direção no Estado e o […]

Richelieu Pereira Publicado em 27/03/2019, às 11h10 - Atualizado às 13h18

Alcides Bernal está em reunião no gabinete do deputado Evander Vendramini. (Foto: Divulgação/Assessoria)
Alcides Bernal está em reunião no gabinete do deputado Evander Vendramini. (Foto: Divulgação/Assessoria) - Alcides Bernal está em reunião no gabinete do deputado Evander Vendramini. (Foto: Divulgação/Assessoria)

O presidente regional do PP, Alcides Bernal está na manhã desta quarta-feira (27) no gabinete do deputado estadual Evander Vendramini, um dos representantes do partido na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul.

O encontro ocorre um dia depois de os parlamentares Progressistas prometerem ir a Brasília pedir organização da direção no Estado e o vereador de Campo Grande Valdir Gomes anunciar que vai deixar a legende.

Vendramini informou que ele e o deputado Gerson Claro devem ir a Brasília na próxima semana discutir a conjuntura do PP com a nacional, mas nega que a intenção seja tirar o ex-prefeito de Campo Grande Alcides Bernal da presidência regional.

Em resposta, no mesmo dia, Bernal disse lamentar a saída do vereador Valdir Gomes, mas preferiu não comentar a insatisfação de lideranças progressistas com seu comando limitando-se a dizer que está preparando a legenda para as eleições de 2020.

“Ele é um bom vereador e uma boa pessoa, mas já disse que vai sair do PP. A gente tem que respeitar a decisão que ele tomou e me comunicou, só falta formalizar”, declarou Bernal.

Jornal Midiamax