Política

Professores, guardas e enfermeiros lotam câmara por benefícios

Vereadores ainda estão analisando projeto encaminhado pela Prefeitura

Ludyney Moura Publicado em 08/06/2017, às 13h34

None

Vereadores ainda estão analisando projeto encaminhado pela Prefeitura

A Câmara de Campo Grande está lotada de servidores municipais para acompanhar análise do projeto enviado pelo Executivo que trata do reajuste salarial de diversas categorias.Representantes de professores, enfermeiros e guardas municipais lotam o plenário na sessão desta quinta-feira (8).

O vereador Vinicius Siqueira (DEM) explicou que o projeto encaminhado pelo prefeito à Casa não prevê reajuste, apenas incorporação de benefícios aos salários no percentual de 25%, em virtude da insuficiência de caixa do município.

Mais cedo, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) afirmou, durante agenda pública em um evento para servidores da saúde, que conseguiu negociar com todas as categorias, só os médicos não responderam à proposta da Prefeitura.

Trad destacou que mostrou aos representantes dos servidores ‘a realidade’ das finanças da Capital e as possibilidades para as categorias. Ele acredita que até o fim da próxima semana todas as categorias, incluindo os médicos, já tenham chegado a um entendimento com o Executivo. 

Jornal Midiamax