Objetivo consiste em preservar documentos históricos

(PT) apresentou projeto de resolução, nesta quinta-feira (24), que visa criar Centro de Memória, Documentação e Referência na Assembleia Legislativa. Ideia consiste em preservar a história de quase quatro décadas do parlamento sul-mato-grossense.

“Este é um instrumento formal de cobrar a mesa diretora, pois a tendência de um povo sem memória é repetir erros do passado”, comentou o deputado, que ocupa cargo de segundo secretário. “Ignorância é de quem não enxerga isso”.

Texto do projeto prevê que o centro tenha custódia definitiva e intransferível de todo acervo documental das mais variadas naturezas (texto, áudio e vídeo) desde a criação da Assembleia Legislativa em 1° de janeiro de 1979. Não raro, elementos históricos acabam hoje resgatados com servidores já aposentados. A matéria deve passar por comissões, antes de ser votada.