Cartilha da Prefeitura pode ser lançada no sábado

Trabalhando há quatro meses para escrever e publicar uma Cartilha do , a Comissão Permanente de Defesa do Consumidor da Câmara de lançou nesta quinta-feira (24) a segunda edição do material antecipadamente. O motivo seria desentendimento com o subsecretário da Proteção e Defesa do Consumidor da Prefeitura, Valdir Custódio.

De acordo com alguns vereadores, o subsecretário estaria programando o lançamento de material semelhante no dia do aniversário da Capital, sábado (26). Valdir teria sido chamado pelos vereadores para participar da elaboração da cartilha, ido a duas reuniões e depois não teria aparecido mais.

Câmara antecipa cartilha do Consumidor após suposto lançamento da PrefeituraA Comissão imprimiu 50 cartilhas para distribuição e lançamento nesta quinta e disponibilizou o material no site. Até o dia 11 de setembro, outras 4 mil serão impressas e distribuídas. Nos bastidores fala-se até que a Câmara faria uma panfletagem para divulgar o próprio matéria por conta do lançamento da cartilha da Prefeitura.

Presidente da Comissão, o vereador Papy (Solidariedade) reclamou da suposta postura de Valdir. “Para que lançar duas cartilhas? Elas competem. Podíamos ter feito juntos, acho que é uma injustiça e fiquei chateado”.

O vereador Otávio Trad (PTB) defende que os materiais são diferentes. “Eu acredito que serão linguagens diferentes. Nesta edição, a Câmara focou em compras pela internet, se o consumidor pode realizar trocas, os prazos. Também sobre o serviço público de água e luz”.

A cartilha foi produzida em parceria com a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Mato Grosso do Sul), Procon e Associação Comercial de Campo Grande. 

A Prefeitura de Campo Grande foi questionada pela reportagem sobre o suposto lançamento de uma cartilha no próximo sábado, mas não confirmou a informação até a publicação desta matéria.