Serão destravados R$ 500 milhões em obras

A liberação de repasse no valor de R$ 60 milhões do Governo do Estado para a prefeitura de deve ocorrer em breve. O valor faz parte da ampliação do programa Juntos por Campo Grande e prevê destravar mais de R$ 500 milhões em obras por toda a cidade.

A cerimônia para assinatura da liberação estava marcada para a noite da última terça-feira (22), mas foi cancelada em razão da morte do ex-governador Pedro Pedrossian.

Em agenda pública na manhã desta quinta-feira, o prefeito Marquinhos Trad (PSD) afirmou que ainda não foi definida uma nova data para o evento, mas que informações do Governo revelam que a cerimônia será nos próximos dias.

Dos R$ 60 milhões que serão repassados pelo Governo, R$ 15 milhões fazem parte de recurso que seria destinado para o serviço tapa-buraco, que inclusive motivou o lançamento do programa em janeiro deste ano. O recurso, agora, segundo Trad, será destinado para outras obras.

Asfalto do Nova Lima será prioridade de 'pacotão', promete Marquinhos

Líder do PSDB na Câmara, o tucano João César Mattogrosso afirmou que o objetivo final do programa Juntos por Campo Grande é destravar R$ 500 milhões em obras na Capital. “Campo Grande vai virar um canteiro de obras”, disse.