Os senadores retornam as discussões às 19h desta quarta

O Senado Federal vota nesta quarta-feira, o processo de impeachment da presidente Dilma Roussef (PT). O parecer do senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) é favorável à continuidade do processo por considerar que há indícios de que Dilma praticou crime de responsabilidade. A sessão foi suspensa mais uma vez e retorna às 19h.

Até o encerramento da sessão dessa terça-feira (9), 67 senadores tinham se inscrito para falar. Após a discussão dos senadores, o relator falará também por 15 minutos e depois, por último, o advogado-geral da União, José Eduardo Cardozo, que faz a defesa de Dilma, por mais 15 minutos.

Os senadores votarão no painel eletrônico do Senado e não vão justificar o voto, nem falarão antes de votar. Cada senador pode votar sim, não ou se abster. Após a conclusão da votação, o painel será aberto e o resultado anunciado.