Partidos pró-Dilma podem concorrer juntos à Prefeitura de Campo Grande

Zeca não descarta apoio a PDT no primeiro turno
| 17/05/2016
- 17:26
Partidos pró-Dilma podem concorrer juntos à Prefeitura de Campo Grande

Zeca não descarta apoio a PDT no primeiro turno

Os partidos que foram contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) podem se juntar para lançar um candidato a prefeito em Campo Grande. O deputado federal , um dos líderes do partido, não descarta esta aliança já no primeiro turno.

Ontem, lideranças petistas se reuniram em Campo Grande para fazer uma balanço sobre a situação do partido e atuação após saída da presidente e perda de um senador, com a cassação de Delcídio do Amaral.

Atualmente o PT tem como pré-candidato o vereador Alex do PT. Os deputados estaduais Pedro Kemp, Amarildo Cruz, Cabo Almi, o ex-deputado federal Antônio Carlos Biffi e Zeca do PT já chegaram a ser cotados, mas hoje só Alex continua.

“Acho que o candidato é o Alex. Só ele que se apresentou. Eu não sou candidato. Temos que ver se vamos ter candidatura própria e fazer aliança no segundo turno. Também podemos fazer aliança já no primeiro turno com partidos do campo popular democrático: PDT, PCdoB”, detalhou.

Zeca ainda não chegou a conversar com o PDT sobre essa possibilidade e eventual apoio ao nome deles. Indagado sobre um nome do partido, ele citou o do deputado federal , deixando claro que não sabe se ele tem interesse.

Apesar da crise e debandada grande, com perda de 53 vereadores e oito prefeitos em Mato Grosso do Sul, o deputado disse estar otimista com as alianças que serão feitas com o PDT no interior do Estado.

 

Veja também

Últimas notícias