Política

PT pode ter disputa interna para escolher candidato a Prefeitura de Campo Grande

Zeca e Kemp já se manifestaram

Jessica Benitez Publicado em 05/11/2015, às 21h50

None
kemp.jpg

Zeca e Kemp já se manifestaram

Pouco depois de o deputado federal e ex-governador do Estado, José Orcírio Miranda dos Santos, o Zeca do PT, cogitar entrar na disputa pela Prefeitura de Campo Grande em 2016, o deputado estadual Pedro Kemp (PT) também se mostrou disposto a entrar no páreo. Uma página no Facebook, intitulada Campo Grande MS – Eleições 2016, o colou entre os nomes para ser candidato em 2016. O intuito é medir vontade popular não oficialmente.

Em resposta, Kemp não descartou realmente lançar candidatura. “Estive vendo que colocaram meu nome nesta enquete para prefeito de Campo Grande. Agradeço aos amigos que votaram em mim. Quem sabe, a depender do resultado, fico animado para ser candidato”, escreveu na rede social.

No início do ano o deputado estadual Amarildo Cruz (PT) também se colocou à disposição do partido para ser postulante ao Executivo. Quando o prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), retornou ao cargo no dia 25 de agosto, a bancada municipal do PT seguiu na base aliada e até colocou hipótese de fazer parte da chapa encabeçada pelo radialista em 2016.

À época a ideia não foi bem recebida pela executiva estadual, justamente por haver intenção de lançar candidatura própria. Porém, atualmente, os vereadores declararam independência, já que a sigla não faz parte da administração de Bernal. 

Jornal Midiamax