Em reunião extraoficial, vereadores definem presidente e relator da CPI

Reunião está sendo realizada na sala da presidência
| 08/05/2015
- 01:37
Em reunião extraoficial, vereadores definem presidente e relator da CPI

Reunião está sendo realizada na sala da presidência

Os vereadores que vão compor a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) das Contas Públicas se reuniram na noite desta quinta-feira (7) na sala da presidência da Câmara Municipal para definirem o presidente e o relator. A CPI vai investigar a real situação financeira da Prefeitura.

A comissão será presidida pelo vereador Eduardo Romero (PT do B) e o relator será Airton Saraiva (DEM). Ainda como membros da CPI estão os vereadores Vanderlei Cabeludo (PMDB), Paulo Pedra (PDT) e Thais Helena (PT).

“A reunião foi só para definir presidência e relatoria (da CPI) que amanhã será publicado no Diogrande. A primeira reunião da comissão será na segunda-feira (11), às 14 horas, para definir o plano gestão”, disse Romero com exclusividade ao Jornal Midiamax.

O vereador Eduardo Romero deixou a base do prefeito Gilmar Olarte no início desta semana, tornando-se ‘independente’. Ele justificou que a assinatura do requerimento da instalação da CPI é uma cobrança de resposta da gestão municipal acerca da política de enxugamento da folha de pagamento que provocou cortes nas gratificações e plantões dos servidores municipais.

A CPI terá o presidente como membro independente, dois membros da bancada de oposição sendo Thaís Helena e Paulo Pedra e outros dois da bancada de sustentação do prefeito Gilmar Olarte, Airton e Vanderlei. 

Veja também

A medida vale até o julgamento do mérito do requerimento de registro da candidatura, do qual o ministro é o relator

Últimas notícias