Secretário destaca favoritismo da vice-governadora no partido

O ex-presidente do em e atual secretário de Administração de Mato Grosso do Sul, Carlos Alberto de Assis, entende que a vice-governadora Rose Modesto (PSDB) tem tudo para ser a candidata do partido à Prefeitura de Campo Grande em 2016. Na avaliação de Assis, Rose só não será a escolhida se desistir da disputa.

“A candidata do partido é a Rose. Ela só não será candidata se não quiser”, avaliou. Carlos Alberto de Assis também é citado por alguns tucanos como possível candidato, mas faz questão de dizer que o nome do partido para a prefeitura é o da vice-governadora.

Apesar de destacar a força de Rose, Assis diz que tudo passará por uma construção, a ser liderada pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB), principal nome do partido em Mato Grosso do Sul hoje.

“No momento oportuno o Reinaldo conduzirá isso. Ele é o grande líder político do partido no Estado. Mas o momento agora é de administrar bem o Estado, mostrar trabalho e tocar o barco”, concluiu.

A vice-governadora Rose Modesto ainda não confirmou que será candidata. Sempre que é indagada ela prefere dizer que se sente lisonjeada, mas que ainda não é o momento para falar em candidatura.