Política

Bernal não explica tapa-buracos ‘de graça’ e volta a cutucar vereadores

Parlamentares questionam informações do prefeito em relação a parceria

Midiamax Publicado em 05/11/2015, às 12h40

None
bernal_0511_400x300_la.jpg

Parlamentares questionam informações do prefeito em relação a parceria

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), evitou nesta quinta-feira (5) responder a questionamentos, feitos na Câmara Municipal, sobre parcerias para serviço de tapa-buracos na cidade. “Os vereadores também deveriam ser bonzinhos e colaborar mais”, falou, quando perguntado sobre o assunto.

Vereadores vêm, seguidamente, questionando a Prefeitura sobre parcerias anunciadas para o tapa-buracos na cidade. A informação oficial, até então, é de que a Águas Guariroba, concessionária dos serviços de distribuição de água e coleta de esgoto, ajuda fazendo este trabalho sem custos ao município, enquanto convênio neste sentido vem sendo estudado com o Exército.

Bernal não explica tapa-buracos 'de graça' e volta a cutucar vereadoresHá parlamentares duvidando que o tapa-buracos será feito a custo zero para os cofres municipais. “O prefeito está tapando buracos com o bolso alheio, está rompendo contratos e fazendo outros, emergenciais”, disse, por exemplo, Paulo Siufi (PMDB) na sessão de quarta-feira (4), cobrando maiores explicações.

Na manhã desta quinta, Bernal apenas reafirmou os encaminhamentos em relação ao Exército, mas sem detalhes. Se disse confiante no fechamento de um acordo, o qual espera também incluir ações de combate à dengue.

Em outra ocasião, Chiquinho Telles (PSD) também questionou as parcerias. “Ninguém trabalha de graça para ninguém”, comentou em sessão no dia 22 de outubro.

Sobre isto, o prefeito evitou responder, nesta quinta. “Os vereadores também deveriam ser bonzinhos e colaborar mais”, limitou-se.

Jornal Midiamax