Política

Alcides Bernal admite troca de Gustavo Freire, diz Luiza Ribeiro

A vereadora Luiza Ribeiro (PPS) contou nesta quarta-feira (6) que o prefeito Alcides Bernal garantiu que demitiria Gustavo Freire também da Secretaria Municipal da Receita.

Arquivo Publicado em 06/11/2013, às 14h51

None
1391248124.jpg

A vereadora Luiza Ribeiro (PPS) contou nesta quarta-feira (6) que o prefeito Alcides Bernal garantiu que demitiria Gustavo Freire também da Secretaria Municipal da Receita.

Vereadora da base de apoio do prefeito Alcides Bernal, Luiza Ribeiro (PPS) contou nesta quarta-feira (6) que o chefe do Executivo garantiu que demitiria Gustavo Freire também da Secretaria Municipal da Receita. A declaração do prefeito teria sido feita na última sexta-feira (1º) .


“Ele [Gustavo Freire] entregou o cargo para o Bernal na sexta-feira e eu conversei com ele. O prefeito disse que faria a nomeação do secretario de Governo na segunda e em seguida faria a do secretário de Receita”, disse.


Luiza Ribeiro afirmou que a indicação para a secretaria de Receita deveria ser técnica, mas que não sabe se o prefeito irá optar por escolher um servidor de carreira ou alguém indicado por um partido.


Líder da oposição na Câmara, Airton Saraiva (DEM) considera uma vergonha a permanência de Gustavo Freire no secretário.“O prefeito está mantendo um funcionário público demitido nacionalmente. Isso é desvalorizar o funcionário público que presta um bom serviço. Os servidores se sentem incomodados por serem comandados por um funcionário demitido por improbidade administrativa”, disparou. “Isso é uma vergonha, como diria o Bóris”, acrescentou.


Já o ex-governador Zeca do PT preferiu não falar sobre o assunto, argumentando que não conhece o assunto profundamente. “Não vou fazer uma condenação sumária”, resumiu.


Gustavo Freire chegou a ser chamado de supersecretário por acumular duas pastas muito importantes: a de Receita e a de Governo e Relações Institucionais. Ele foi substituído da pasta de Governo nesta semana. No lugar dele entrou o suplente de senador Pedro Chaves (PSC).


Freire era auditor-fiscal da Receita Federal, mas foi demitido pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, “por valer-se do cargo para lograr proveito pessoal ou de outrem em detrimento da dignidade da função pública”.


Segundo a assessoria de imprensa da Prefeitura, o prefeito está aguardando um parecer jurídico para saber se mantém ou demite o secretário.

Jornal Midiamax