Polícia / Trânsito

Taxista morre após ser atropelado na Afonso Pena e motorista fugir do local

Um idoso de 65 anos morreu na tarde deste sábado (27), na Santa Casa de Campo Grande, após ser atropelado na Avenida Afonso Pena. A vítima foi identificada como o taxista Francisco José Allas, que trabalhava no ponto em frente ao Hotel Indaiá. Conforme o boletim de ocorrência, o acidente ocorreu, durante a madrugada, por […]

Wendy Tonhati Publicado em 27/10/2018, às 16h17 - Atualizado às 17h02

None

Um idoso de 65 anos morreu na tarde deste sábado (27), na Santa Casa de Campo Grande, após ser atropelado na Avenida Afonso Pena. A vítima foi identificada como o taxista Francisco José Allas, que trabalhava no ponto em frente ao Hotel Indaiá.

Conforme o boletim de ocorrência, o acidente ocorreu, durante a madrugada, por volta da 1h15. A Polícia Militar foi acionada e registrou que Francisco atravessava a rua, na faixa de pedestres, quando foi atropelado por uma van, modelo Renault Master, de cor branca. As informações foram fornecidas por testemunhas do acidente.

O motorista do veículo fugiu sem prestar socorro à vítima. O Samu (Serviço Móvel de Atendimento de Urgência) foi acionado e encaminhou Francisco para a Santa Casa de Campo Grande.

A Polícia Civil vai investigar o caso para identificar o motorista do veículo. Devido à localização, é possível que câmeras de segurança de comércios tenham registrado o acidente.

O caso foi registrado como homicídio culposo na direção de veículo automotor na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Jornal Midiamax