Moradora em , de 29 anos, procurou a Delegacia de Polícia para registrar denúncia de importunação contra um vizinho. Ele teria subido em cima do muro para olhar a mulher pela janela enquanto a mesma tomava banho.

Ao perceber a presença do vizinho, ela gritou, se vestiu e foi até o portão da casa dele, sendo atendida pela esposa do acusado, que teria subido no muro apenas para pegar uma maconha, uma vez que é usuário de drogas.

A denunciante disse que essa é a quarta vez que o fato ocorre e que, além de observar, ele ainda teria dito: “Gostei do que vi”.

O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Dourados como importunação sexual.