Policiais civis de , cidade a 233 quilômetros de , prenderam autores de tentativa de homicídio durante a “Expurgo” e realizaram prisão por tráfico de drogas e posse ilegal de de fogo, nesta segunda-feira (26). Ao todo foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão, e três de prisão.

Segundo a polícia, durante o cumprimento, na casa de um dos autores, com auxílio de cão farejador, foram apreendidos 300g de cocaína e uma pistola Taurus 9mm, com 7 munições. O autor então foi preso em flagrante por tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Foram presos em função de prisão temporária: C.R.R.S., 19 anos, L.S.O., de 29 anos e J.P.S.S., 26 anos, sendo que a droga e a arma foram localizadas na casa do último citado.

A operação teve apoio da Seção de Investigações Gerais (SIG) de , 2ªDP de Dourados e DP de Maracaju. Ainda de acordo com a polícia, a ação se deu em razão de investigação de duas tentativas de homicídios ocorridas no último dia 17 em Itaporã, por disputa entre facções rivais. Segundo apurado, por volta das 19h20min do dia 17, C.R.R.S. tentou matar a M.S.L., de 24 anos, que seria de uma facção rival. A vítima levou um tiro na perna e permanece viva.

Ainda de acordo com a polícia, em retaliação a este primeiro crime, L.S.O. e J.P.S.S. que são da mesma organização criminosa que a vítima, tentaram matar J.H.T.S., de 26 anos, pertencente a mesma facção do autor C.R.R.S., da primeira tentativa. Esta segunda vítima não foi atingida pelos disparos.

Os dois crimes foram registrados como homicídio tentado qualificado pela traição, de emboscada ou mediante dissimulação ou outro recurso que dificulte ou torne impossível a defesa do ofendido, na forma tentada. O nome da operação se refere à limpeza que a Polícia Civil está fazendo na cidade de Itaporã, ao levar os criminosos à prisão.