Quatro servidores foram indiciados pela Polícia Civil sob suspeita de desvio de recursos públicos do ISSEM (Instituto de Seguridade Social dos Servidores Municipais) de , cidade a 420 quilômetros de Campo Grande. Os desvios apontados foram de R$ 629.865,48.

Segundo a polícia, foi concluído nesta terça-feira (20), as investigações envolvendo os desvio de recursos públicos da autarquia com personalidade jurídica de direito público.

Ainda segundo a polícia, durante as investigações, testemunhas foram ouvidas, documentos contábeis apreendidos e sigilos bancários dos investigados quebrados. Foi elaborado laudo pericial e parecer técnico. Conforme a polícia, relatório final, com 23 laudas, indica a participação de quatro servidores, indiciados por peculato, crime previsto no art. 312 do Código Penal. A movimentação suspeita foi de R$ 629.865,48. Os autos de inquérito policial foram encaminhados à sede da Comarca Judicial.