Criada para abrigar adolescentes infratoras, a (Unidade Educacional de ) feminina de está com as atividades suspensas. A informação é da (Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul).

De acordo com a Sejusp, o fechamento ocorre em decorrência da demanda. Conforme apurado pela reportagem do Jornal Midiamax, a Unei estava com apenas duas internas e que foram transferidas para Campo Grande.

Nos próximos dias, técnicos da secretária irão se reunir com o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, para discutir a possibilidade de transformar a unidade feminina de internação em uma unidade masculina de semiliberdade para adolescentes.

Com essa medida, a Sejusp espera desafogar a Unei Laranja Doce, de Dourados. Entretanto, ainda não há informações sobre a alocação de servidores que atualmente trabalham na unidade feminina de Dourados.

“Alguns servidores foram convidados trabalharem em Ponta Porã, no entanto, as dificuldades com deslocamentos não atraiu interessados”, disse um funcionário ouvido pela reportagem do Jornal Midiamax.