Uma mulher de 27 anos que utilizava uma motocicleta e uma criança para vender entorpecentes foi presa por tráfico de drogas em Aquidauana, a 139 quilômetros de Campo Grande. A detenção ocorreu no momento em que a suspeita saía de casa na tarde dessa terça-feira (28), no bairro Nova Aquidauana.

Segundo informações da Polícia Civil, a mulher levava a criança na garupa de uma motocicleta Honda preta no momento das entregas.

Ao avistarem a suspeita conduzindo a moto, os agentes realizaram abordagem. A mulher disse à equipe policial que a criança era seu sobrinho, de 9 anos, e negou que estivesse com drogas.

No entanto, ao ser revistada, os policiais encontraram uma porção de pasta base de cocaína em um dos bolsos da calça dela. Questionada se havia mais drogas na casa em que mora, a abordada negou e ao receber voz de prisão teria avançado contra os investigadores, tentou fugir e ainda ameaçou os policiais civis.

Agressões

Ainda segundo a Polícia Civil, a suspeita também desferiu chutes e socos na equipe policial no momento do algemamento e lesionou um agente de polícia. A presa ainda teria ameaçado dizendo que era de uma facção criminosa e que os policiais não sabiam com quem estavam mexendo e dizia que iria matá-los.

Conforme o site O Pantaneiro, na residência da suspeita os Civis localizaram, em um monte de areia na entrada do terreno, 10 porções de maconha.

No quarto, foram localizadas mais três porções de pasta base de cocaína, uma balança de precisão, além de vários equipamentos e ferramentas elétricas furtados e que já estavam em busca por conta de registros de boletins de ocorrência.

Assim, a mulher foi presa em flagrante por tráfico de drogas qualificado por envolver criança, ameaça, lesão corporal dolosa e resistência.