Uma mulher identificada como Joelma da Silva André, de 33 anos, foi vítima de feminicídio na manhã desta quarta-feira (21), no Indubrasil, em . Ela teve uma cravada no peito pelo , que fugiu em seguida de bicicleta.

Este é o quarto crime de feminicídio registrado em Mato Grosso do Sul neste ano e o primeiro que acontece em Campo Grande, de acordo com as estatísticas da (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública).

Informações preliminares são de que a polícia foi acionada depois das 6h30 da manhã para a Rua da Roda Velha, onde a vítima foi esfaqueada e teve a faca cravada no peito pelo ex-marido de 45 anos, que fugiu logo após o crime de bicicleta. Uma discussão entre os dois antecedeu o crime, depois do homem ir até a casa da vítima e vê-la entrando em um carro.

Os filhos de Joelma, total de 5, estavam na casa no momento do crime. Segundo a polícia, o homem já tem passagens por violência doméstica e fugiu no sentido Avenida Duque de Caxias. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chegou a ser acionado, mas Joelma já estava sem vida. A Polícia Militar está isolando o local.  

(Matéria editada às 08h00 para acréscimo de informações)