Familiares de morador de Pedro Juan Caballero, de 63 anos, detido por uma suposta tentativa de homicídio em que um jovem ficou ferido ao sair da casa da namorada, alega que ele não teria cometido o crime.

Segundo familiares do sexagenário, ele possui de fogo, mas não a utilizada no ataque, e também sofre de problemas de saúde. A tentativa de homicídio aconteceu na última quinta-feira (15).

Segundo informações do advogado de defesa, ele mal consegue se levantar para dar explicações e não teria condições físicas para cometer o crime.