Homem, de 39 anos, foi preso pela Polícia Civil após postar vídeos íntimos da ex-namorada, de 27 anos, no grupo de trabalho, em Água Clara, a 193 quilômetros de Campo Grande. O crime aconteceu em setembro do ano passado e o homem foi preso nesta segunda-feira (1º).

A vítima procurou a delegacia para relatar que havia sido agredida, injuriada e ameaçada pelo ex-namorado. Ela também disse que o homem pegou seu aparelho celular. 

Enquanto a mulher registrava a ocorrência na Sala Lilás da delegacia, descobriu que o ex-namorado acessou o WhatsApp no celular dela, selecionou um vídeo íntimo do casal e postou em um grupo da empresa em que a vítima trabalha. 

A autoridade policial pediu pela prisão preventiva do suspeito. Na época dos fatos, foram realizadas diligências e a polícia descobriu que o homem havia fugido de Água Clara e estaria em local incerto.

Porém, ele teria voltado nesta segunda, quando acabou sendo preso. O homem responderá pelos crimes de lesão corporal contra mulher, injúria, ameaça, furto e divulgação de cena de sexo não autorizada, todos no contexto de violência doméstica.