A (Polícia Militar Ambiental) de Jardim prendeu homens por predatória na MS 382 em , cidade a 233 quilômetros de . Policiais ambientais de Jardim realizavam fiscalização terrestre na rodovia, quando pararam em uma chácara onde, foram localizados três exemplares de pintado e um de Jaú pendurados, escorrendo o sangue. Ainda durante a vistoria os policiais localizaramuma rede de pesca (petrecho proibido pela legislação vigente).

A PMA informa que realizava fiscalização na chácara, quando se aproximou um homem conduzindo uma motocicleta, que foi abordado. Ele disse que havia capturado o pescado na madrugada, já na vigência do período de defeso, e que tal captura se deu com a utilização da rede localizada pelos militares.

Também relatou, ainda, que estava voltando do naquele momento e que havia mais duas pessoas no local pescando e que já iriam retornar trazendo mais peixes. Diante da informação os policiais deslocaram em direção ao rio, localizando os dois pescadores no caminho trazendo mais alguns exemplares de peixe, dentre os peixes, quatro exemplares de Dourado, espécie protegida por lei.

Eles foram presos pelo crime ambiental de pesca predatória em período de defeso e encaminhados a Delegacia de Polícia Civil de Jardim para os procedimentos cabíveis. Além disso, foram autuados administrativamente pela infração ambiental e todo o pescado foi apreendido. Os peixes serão doados a instituições filantrópicas.

Saiba Mais