A PC (Polícia Civil) descobriu diversas irregularidades e fechou três conveniências durante a Operação Boas Festas, na região do Lagoa, em Campo Grande, nessa quinta-feira (28). Uma pessoa foi presa e seis foram conduzidas à delegacia. 

A operação aconteceu com o intuito de fiscalizar se os estabelecimentos que vendem bebidas alcoólicas estavam regulares para estarem funcionando. Conforme a polícia, as conveniências fechadas apresentavam irregularidades na documentação de funcionamento e a pessoa presa estava vendendo cigarros não reconhecidos pela legislação brasileira.

Além disso, as equipes realizaram 407 abordagens e prenderam seis motos. Os comerciantes também foram orientados em relação ao cumprimento rigoroso do horário de funcionamento do alvará.

A operação contou com a (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude), Decon (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo), Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), Deops (Delegacia Especializada de Ordem Política e Social), Garras (Delegacia Especializada Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros), Polinter (6ª Delegacia de Polícia e Delegacia Especializada De Polinter e Capturas) e apoio da GCM (Guarda Civil Metropolitana).