Uma mulher de 37 anos procurou a de , na noite dessa quarta-feira (10), após sofrer lesões e ficar com edemas depois de uma sessão de depilação a laser, feita em uma clínica no Vilas Boas, no dia 3 deste mês.

A mulher relatou que foi até a clínica para fazer o procedimento em uma única sessão, sendo que no dia seguinte começou a sentir reações alérgicas, vermelhidão na pele, edemas altos, pele quente e muita coceira.

Ela ligou para a clínica relatando o que estava ocorrendo e foi até o local onde foi atendida por uma funcionária que prescreveu antialérgicos e outros medicamentos. Mas, os sintomas não passavam e, novamente, ela ligou para a clínica indo ao local mais uma vez.

A mulher foi atendida pela gerente da clínica que pediu para que parasse com os medicamentos, e apenas, usasse uma pomada. Mas, os sintomas pioraram e na noite do mesmo dia teve de procurar um para ser medicada.

Na unidade hospitalar, a mulher teve de tomar corticoide via soro e intramuscular e só assim os sintomas cessaram. O caso foi registrado como lesão corporal culposa.