Foi presa por policiais de , a 444 quilômetros de , uma mulher de 26 anos, por maus-tratos a animais. Um dos cachorros não conseguia nem ficar em pé. A aconteceu na terça-feira (21).

A polícia chegou a casa depois de denúncias sobre o estado deplorável dos animais. Um dos cachorros estava amarrado em um arame farpado, bastante debilitado, e desnutrido. Outro animal não conseguia ficar em pé.

Um dos cachorros estava com sangramentos nas patas, erupções cutâneas provocadas por parasitas, além de bicheira e também com baixo peso, provocado por inanição. Os cachorros estavam famintos e comeram ração oferecida pelos policiais.

Segundo os vizinhos, a tutora do animal não ficava em casa, saindo pela manhã para trabalhar, retornando apenas no período noturno, e não deixava alimentos ou água para os bichos. Um dos animais acabou morrendo.

O cachorro foi recolhido e encaminhado ao IML (Instituto de Medicina Legal), onde será preservado para ser realizado o exame pericial pelo Perito Veterinário, para determinar a causa da morte. 

Maus-tratos é crime

O crime de maus-tratos aos animais é previsto pelo artigo 32 da lei nº 9.605, prevendo de reclusão de 2 a 5 anos, e proibição da guarda.

Saiba Mais