Uma mulher, de 30 anos, e suas duas filhas, de 9 e 13, foram ameaçadas, agredidas e mantidas em cárcere privado em uma fazenda localizada em Paraíso das Águas, a 277 quilômetros de , nesse . O suspeito, de 27 anos, é padrasto das meninas e tentou fugir quando viu a polícia, mas acabou sendo preso.

O caso aconteceu na região do distrito Bela Alvorada. A equipe policial foi até a residência e encontrou a mulher vítima do crime. Questionada, ela negou as agressões e o cárcere, mas demonstrou bastante nervosismo. 

Diante disso, ela foi levada para a delegacia, onde prestou depoimento e disse ter sido alvo de ameaças, agressões e mantida em cárcere, junto com as filhas.

Durante a do suspeito, os policiais checaram que havia um mandado de prisão aberto em seu desfavor na cidade de Mineiros, em Goiás (GO), pelos crimes de e adulteração de sinal identificador de veículo automotor.

Saiba Mais