A PC (Polícia Civil) de Dourados identificou como Guilherme Brandão Alves, de 27 anos, o bandido que morreu ao trocar com a PM (Polícia Militar), depois ter invadido a residência de um empresário durante a noite desta quarta-feira (29)

O assalto aconteceu na rua Eduardo Cerzósimo de Souza, no Parque Alvorada, em Dourados. ‘Sequestro’ como era conhecido no mundo do crime, tinha várias passagens pela polícia acusado de roubos e assaltos à mão armada.

Um adolescente de 16 anos, que participou da tentativa de assalto e também de sequestro  onde e filha ficaram de reféns, foi apreendido pela Polícia Militar a 100 metros do local do crime.

Entenda o caso

A família de um empresário de Dourados viveu momento de terror no final da noite desta quarta-feira (29) no bairro Parque Alvorada, em Dourados. Uma dupla armada invadiu a residência e fez a mulher dele e também uma filha de reféns com apontada para as cabeças das vítimas.

Por um descuido de um dos criminosos, a filha conseguiu ligar para o pai, que estava em uma chácara com outra filha e acionou a polícia e também vizinhos. Um dos criminosos, conhecido como ‘Sequestro’, reagiu, mas acabou morto.

Um pouco antes, a mulher do empresário teria entrado em luta corporal com o assaltante. Ela chegou a ser agredida com coronhadas na cabeça e teve o rosto esfregado na parede. O bandido ainda teria acionado três vezes o gatilho da arma, mas falhou.

Segundo informações apuradas até o momento, a dupla pulou o muro da residência, rendeu mãe e filha e anunciou o assalto. Os bandidos estavam bastante nervosos e queriam joias e dinheiro e procuravam pelo cofre, que não existia.

Saiba Mais