Morreu na de Campo Grande o homem, ainda sem identificação, que foi atingido por tiro na testa na noite de segunda-feira (27) em uma quitinete, no , em Campo Grande.

O hospital aguarda a família para que reconheça o corpo, caso contrário, será encaminhado ao Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) como desconhecido.

Conforme apurado pelo Midiamax, o pistoleiro estaria ‘cuidando’ a quitinete, na Rua Santa Lourdes, antes de cometer o crime. Uma testemunha contou que a vítima fazia uso de drogas e que, no momento do crime, ela estava nos fundos sentada junto do proprietário da quitinete, quando o autor passou em uma motocicleta Titan, de cor escura, bem devagar, indo embora.

Momentos depois, voltou e do portão passou a fazer os disparos acertando o homem que foi baleado na cabeça. O dono do local fugiu assim que viu o , e não foi localizado. 

O homem foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) em estado gravíssimo para a Santa Casa, onde morreu. No local, autor teria efetuado aproximadamente 15 tiros

Saiba Mais